pokerstars

Siga nas redes
Só para assinantesAssine pokerstars
ReportagemEsporte

pokerstars - Seleção pode ter pior ano de sua história se perder para a Argentina

Nunca houve nada pior do que perder por 7 x 1. Deste ponto de vista, nenhum ano será pior do que 2014.

Mas, naquela temporada, o Brasil ficou entre os quatro melhores da Copa do Mundo.

Em números absolutos, a seleção nunca perdeu tanto quanto em 1963. Foram 8 derrotas em 18 partidas, mas três delas com a base de um combinado mineiro, durante a Copa América da Bolívia. Tirando estas partidas, foram 5 perdidas de 12 disputadas — 41%.

O segundo pior ano da seleção foi 1968, com 5 derrotas em 20 jogos — 25%.

Este ano de 2023 pode terminar com 5 jogos perdidos de 9 disputados. O Brasil ganhou apenas da Guiné, Bolívia e Peru, as duas piores equipes das eliminatórias. Empatou com a Venezuela. Caiu contra Marrocos, Senegal, Uruguai e Colômbia.

Se perder para a Argentina, será o pior ano da história da seleção em porcentagem de derrotas — 55%. Há a exceção de 1923, com 4 derrotas em 6 partidas, mas o número absoluto foi menor do que o atual, se o Brasil perder da Argentina.

No Maracanã, o Brasil disputou 114 partidas na história e perdeu oito vezes.

Contra os Argentinos, no estádio mítico, doze jogos, sete vitórias, dois empates e três derrotas. Duas delas nos dois últimos encontros, em 1998 e 2021, ambos vencidos pelos argentinos pelo placar de 1 x 0.

Reportagem

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes
pokerstars Mapa do site